Mais informação em linguagem local após pesquisa no Brasil

A Hydro aumenta a comunicação em idioma local após o feedback de uma pesquisa de transparência brasileira.

fevereiro 1, 2018
Alunorte, Brasil
Alunorte, Brasil

A refinaria de alumina da Hydro, a Hydro Alunorte, foi analisada por sua transparência em linguagem local pela Transparência Internacional (TI), uma ONG global que se concentra no combate à corrupção.

A TI analisou a Hydro de acordo com sua metodologia de "Transparência em Relatórios Corporativos" (TRAC), e o resultado mostrou uma pontuação de 0,7 pontos, em uma escala de 0 a 10, de transparência no idioma regional. Os documentos solicitados foram publicados em idioma local após a Hydro ter conhecimento da metodologia de pontuação.

O Código de Conduta da Hydro, o Programa de Integridade e o relatório por país também estão disponíveis agora em português. O Código de Conduta da Hydro está atualmente em revisão, e as traduções em outros idiomas serão disponibilizadas publicamente quando o código revisado for finalizado.

“A Hydro atua com transparência em todas as nossas operações. Percebemos que também devemos prestar mais atenção para disponibilizar informações relevantes em idioma local”, disse a responsável pelos Relatórios Corporativos Extra-Financeiros da Hydro, Kirsten Margrethe Hovi.

A Hydro Alunorte foi convidada, em setembro de 2017, a responder a um questionário sobre transparência com foco em suas operações, disponível em português e inglês. A Hydro respondeu ao questionário usando referências a informações publicamente disponíveis no site www.hydro.com e forneceu referências relevantes a todas as questões que eram aplicáveis ​​à refinaria.

No prazo, foi informado pela TI que as referências em língua inglesa não seriam aceitas. Como resposta imediata, a Hydro disponibilizou a documentação pública mais relevante em português em sua webpage brasileira e enviou uma resposta atualizada à TI. Como isso aconteceu no dia seguinte de trabalho ao pedido da entidade, essas atualizações não foram levadas em consideração na pesquisa.

“A Hydro tem um longo e bom relacionamento com a TI e vemos que eles desempenham um papel muito importante na luta contra a corrupção e na melhoria da transparência”, afirmou o responsável pela área corporativa de Compliance, Lars Kolbjørnsen.

No relatório, a TI afirma que os itens publicados pela Hydro após o prazo teriam melhorado a avaliação e a pontuação.

"(...) A Hydro Alunorte publicou itens que possivelmente melhorariam sua avaliação, no entanto, as adições foram inseridas após o prazo (6 de outubro de 2017) e, portanto, não foram consideradas para fins de pontuação. Em qualquer caso, como o objetivo da pesquisa é melhorar o nível de transparência corporativa, a Transparência International entende que a Hydro atingiu seu objetivo", afirma o relatório.

Sobre a pesquisa:

As 100 maiores empresas do Brasil foram incluídas na pesquisa, juntamente com os 10 maiores bancos, com base no anuário Valor 1000 das 1.000 maiores empresas no Brasil. A pesquisa abrangeu três áreas: programas anticorrupção, estrutura organizacional e dados financeiros.


Actualizado: fevereiro 1, 2018