Skip to content

"Embaixadores" constatam valores comuns no Brasil

Os Embaixadores da Hydro passaram recentemente uma semana repleta de atividades em Paragominas, Alunorte e Albras. Visitantes e anfitriões constataram que têm muito em comum.

Os funcionários da Hydro ao redor do mundo votaram em um colega para ser Embaixador da Hydro, com base em atributos pessoais e conforme o envolvimento deste com os valores da empresa. A seguir, selecionaram-se grupos representando cada uma das áreas de negócios para uma viagem de visita às operações bauxita, alumina e alumínio, que foram recentemente adquiridas no Brasil.

Durante a viagem, que teve como destino o estado do Pará, onde estão localizadas as três empresas, eles tiveram a oportunidade de obter uma visão geral das operações e, ainda mais importante, conseguiram conhecer outros grupos de funcionários em cada local.


Impressionados com ParagominasO que eles constataram foi que, apesar de estarem em meio a uma natureza que lhes é pouco familiar: paisagem, clima, cores, comida, língua, sentiram-se em casa com os novos colegas. Realmente, eles sentiram que a integração das novas operações na Hydro tem tudo para dar certo.

A primeira parada foi na mina de bauxita em Paragominas. Na visita do grupo à extensa área, aprendeu-se sobre como o importante minério é extraído e processado para envio para a refinaria de alumina de Alunorte, que fica a mais de 200 km de distância.

"Fiquei realmente impressionado com o Brasil", disse Andrew Walker, que trabalha na fábrica de alumínio em Kurri Kurri, Austrália, e é Embaixador da Metal Primário. "É um país muito grande, como a Austrália, com muitos recursos naturais. Fiquei também muito impressionado com a mina de bauxita de Paragominas.

"Fiquei muito impressionado com o padrão de manutenção e o foco em segurança e meio ambiente, com a atitude deles em relação à Hydro Way e os Valores Hydro e a dedicação deles com a nova organização, de que agora fazem parte."

O "Seminário de Trabalho Hydro Way", com cerca de doze funcionários da Paragominas, permitiu a todos trocarem informações importantes sobre como a Hydro opera como empresa e sobre como os funcionários se relacionam entre si e com o trabalho.

Os funcionários do Brasil já tinham recebido bastante informação sobre a Hydro Way e os valores da empresa: coragem, cooperação, visão, determinação e respeito, por isso tiveram muito o que conversar.

Valores parecidos

Eles constataram as mesmas características importantes sobre a Hydro Way e que elas são muito parecidas com seus próprios valores pessoais. Além disso, eles realmente apreciaram a oportunidade de conhecer mais funcionários da Hydro de todo o mundo.


Depois de Paragominas, os Embaixadores passaram um dia na Alunorte e na fábrica de alumínio Albras, em Barcarena, que fica a várias horas de ônibus da mina de bauxita. Lá eles também visitaram as instalações e conheceram os funcionários locais."É bom que tenham vindo e aprendido sobre os desafios que enfrentamos todos os dias", disse Valdemir Santos, que trabalha em Paragominas. "Durante a transação, havia incerteza e falta de conhecimento, mas agora estamos bastante satisfeitos. Trabalhando juntos, conseguiremos atingir nossos objetivos."

É claro que a viagem dos Embaixadores foi apenas o começo. Muitos funcionários no Brasil disseram estar ansiosos para aprender ainda mais sobre como eles se consolidarão na Hydro, e têm real interesse em encontrar formas de melhorar as linhas de comunicação entre eles. Isso já está em andamento, uma vez em que já foram criadas equipes para reforçar os laços com as recentes aquisições da Hydro.

Conexão entre pessoas

O encontro não foi só trabalho para o grupo, que viajou de tão longe para visitar o Brasil. Eles assistiram à partida "amigável" de futebol entre as equipes do Brasil e da Argentina (o Brasil ganhou de 2 a 0), no estádio de Belém, que comporta quase 50 mil espectadores; fizeram uma viagem de barco com partida de Belém, a capital do Pará, onde a Hydro tem um escritório regional e passearam no Rio de Janeiro antes de retornarem.

Os Embaixadores concordaram que foi uma viagem excelente. Andrew Walked resumiu, em nome do grupo: "Acredito que houve uma conexão entre todos."