Skip to content

Primeira usina solar do estado de SP começa a funcionar em Campinas

Energias renováveis são o tópico do momento e sua importância para um mundo mais sustentável está mais que comprovada.Alinhada com essa idéia a Hydro Acro vem fornecendo perfis extrudados para transformar a luz do sol em energia elétrica.

Em parceria com a EBES (Empresa Brasileira de Energia Solar), a Hydro forneceu seus perfis extrudados para que a maior usina solar do Brasil e primeira do estado de São Paulo começasse a funcionar nesta terça-feira (27), em Campinas (SP). O sistema de captação  usa a energia fotovoltaica, obtida através da conversão direta da luz solar em eletricidade. A produção vai integrar a rede elétrica partir de 2013.

A previsão da concessionária é que os dois tipos de placas instaladas na subestação Tanquinho consigam abastecer mensalmente 657 clientes, que consomem em média de 200 kWh.

O projeto aprovado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) recebeu investimento de U$ 7 milhões e foi desenvolvido pela Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL), com ajuda da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e empresas spin-offs - que derivaram da própria instituição.

A redução de custos dos painéis solares em razão do aumento de volumes produzidos tem proporcionado a continua queda do valor dessa modalidade de energia renovável, e isso com certeza é motivo para comemorar!

A Hydro Alumínio participa ativamente da ABINEE (Associação da Indústria Elétrica e Eletrônica), apoiando ações para implementar o uso da Energia Fotovoltaica no Brasil. Atualmente a Hydro participa em cerca de 15 projetos que constam no pipeline da Associação.