Skip to content

Campanha de doação de sangue mobiliza operações

Parceria pela vida no Pará completou 15 anos e conseguiu 1.596 doadores, entre empregados, contratados, familiares e moradores da região de Barcarena.

Para fazer a diferença na vida de uma pessoa, às vezes, é preciso apenas estender o braço. E foi acreditando neste ato de solidariedade que as empresas Albras e Hydro Alunorte promoveram a Campanha de Doação Voluntária de Sangue, realizada há 15 anos no município de Barcarena (PA), sempre em parceria com a Fundação Hemopa.

A edição de 2013 aconteceu entre os dias 24 e 27 de setembro e bateu a meta de coletar 1.200 bolsas de sangue um dia antes do encerramento. “Trabalhamos em clima de festa, com gostinho de vitória”, explicou Rubya Silva, enfermeira do trabalho da Albras e uma das organizadoras do evento. “A parceria com o Hemopa é fundamental e garante que a coleta seja feita de forma especializada. Fazemos a divulgação dentro das fábricas e nas comunidades”, completou Miriam Melônio, enfermeira do trabalho da refinaria de alumina Hydro Alunorte.
 
O resultado foi comemorado. “A avaliação é muito positiva. É um trabalho que tem dado muito certo”, afirmou Maria de Socorro Ferreira, diretora técnica do Hemopa.

O sangue coletado na campanha de Barcarena ajudará a manter os estoques do principal hemocentro do Pará, que atualmente registra uma redução em 40% no número de doadores voluntários, que está com a atual média de coleta diária é de 150 bolsas, quando o ideal seria coletar entre 250 e 300 unidades.

A campanha mobilizou 1.596 doadores, não apenas empregados e contratados das empresas Hydro, mas também parentes e moradores das micorregião de B|arcarena.

Doadores - “O que me incentiva mais é saber que o que vou fazer hoje é salvar a vida de uma pessoa. Há uns 7 anos minha segunda filha nasceu com problema de hemoglobina e tinha necessidade de fazer uma transfusão. Quem me ajudou foi um rapaz e hoje agradeço muito a ele. Passei a doar a partir disso. Eu não pedi para ele, ele ouviu nosso caso numa triagem e se sensibilizou em ajudar”, afirmou Anito Pereira Rangel, operador de produção da Albras”.

"É uma satisfação muito grande poder doar um pouco de mim para alguém que, com certeza, vai precisar. É muito gratificante se doar ao próximo. A campanha é importante porque nós saímos um pouco do ambiente industrial para ajudar outras pessoas", finalizou a analista da Área de Qualidade da Hydro Alunorte, Karina Trindade, última doadora da campanha, na edição 2013.

Tradição - No ano passado, a campanha promovida pelas empresas arrecadou 1.641 bolsas de sangue, número acima do esperado. Esta quantidade foi o suficiente para reforçar os estoques do Hemopa por 30 dias, num período crítico, como o do Círio de Nazaré, quando aumenta a demanda dos hospitais.

Em 15 anos, a campanha já conseguiu arrecadar 20.917 doações. “A campanha é feita em equipe. Unimos esforços para conseguir mobilizar cada vez mais voluntários. Esta é uma iniciativa que não se vê em nenhum lugar do Brasil. Pra todos nós, é fundamental”, conta a enfermeira Rubya.

Critérios - Para doar, a pessoa precisa ter idade entre 18 e 65 anos e portar documento de identificação com foto. Com a doação, são realizados gratuitamente exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença de Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sanguínea, que são disponibilizados aos doadores. Homens podem doar a cada dois meses e mulheres a cada três meses.