Skip to content

Patrimônio da Humanidade é celebrado com novo site

Hoje, as cidades de Notodden e Rjukan, na província de Telemark na Noruega, comemoram ter entrado para a lista de Patrimônio da Humanidade da UNESCO. Entre outras contribuições relacionadas com o feito, a Hydro contribuiu para a criação do site industriarven.no, uma apresentação simplificada do que significa ser um patrimônio da humanidade.

Todos receberam com grande alegria a notícia de que a UNESCO havia decidido, no dia 05 de julho, incluir a fundação da Hydro na província de Telemark em sua lista exclusiva de patrimônios da humanidade.

Hoje, as cidades de Notodden e Rjukan celebram oficialmente a inserção na lista, e as festividades incluem até um passeio com a balsa «Storegut», que faz parte do próprio patrimônio. Entre os convidados, pode-se mencionar a ministra do meio ambiente, Tine Sundtoft, o diretor do Instituto de Patrimônio Nacional, Jørn Holme, os prefeitos das duas cidades e o presidente executivo da Hydro, Svein Richard Brandtzæg.

«O reconhecimento que a inclusão na lista de patrimônios da humanidade da UNESCO representa, nos enche de orgulho e humildade. É com base neste patrimônio e herança que trabalhamos ainda hoje para renovar a Hydro e enfrentar os desafios de hoje e de amanhã”, disse Brandtzæg na ocasião.

«Não há dúvida de que este reconhecimento é uma grande mostra da engenharia inovadora, da determinação e da consciência social que a empresa demonstrou na época.”

Os patrimônios em Notodden e Rjukan são, na prática, patrimônios industriais das duas primeiras décadas do século passado. Foi nesta época que o pesquisador Kristian Birkeland, o engenheiro Sam Eyde e o gerente de projetos Sigurd Kloumann criaram a Hydro. Além disso, Eyde e Kloumann construíram outras empresas que também se tornaram centrais na história da Noruega, fomentando a segunda revolução industrial na Noruega, gerando crescimento, otimismo, postos de trabalho e novos centros industriais. Dessa forma, a construção da Hydro representa não somente o começo de uma aventura industrial espetacular, mas também uma peça fundamental no que viria as ser a nova indústria.

«O trabalho executado pelos empreendedores na província prova ser da mais alta qualidade e, mais de 100 anos depois, podemos ver que continua em seu elemento e parcialmente em operação. Isto é algo único a nível mundial e gostaríamos de contribuir para que a Telemark tenha presença ainda mais forte no cenário mundial”, diz Brandtzæg.

Uma das contribuições da Hydro para a celebração é o novo site industriarven.no, que está sendo lançado hoje.

«Nosso desejo é contribuir para que a herança industrial e a fundação da Hydro sejam do conhecimento do público e que estejam acessíveis a todos”, diz Ole Johan Sagafos da Hydro sobre o site, que foi desenvolvido em parceria com o Museu dos Trabalhadores Industriais.

«Nosso grupo alvo não são as pessoas especialmente interessadas em História, pois estas já dominam este assunto, mas, sim, os turistas e as famílias com crianças pequenas, que costumam planejar passeios de automóvel ou a pé pela região. O novo site é o que o pessoal costuma chamar de “site de uma página”, ou seja, de fácil acesso, com textos curtos e de fácil compreensão e que facilmente pode ser lido no computador, tablet ou telefone.

Sagafos conta que o industriarven.no não está pronto e terminado, pois o plano é desenvolvê-lo adiante, inserindo mais conteúdo, experiências vividas e novas possibilidades de conhecer mais sobre a origem da Hydro.

A industriarven.no está disponível somente em norueguês no momento, mas, em breve, estará disponível em outros idiomas também.