Skip to content

Hydro analisa declarações do Ministro do Meio Ambiente sobre a refinaria de alumina Hydro Alunorte

A empresa de alumínio norueguesa Norsk Hydro ASA analisa nesse momento as declarações do Ministro do Meio Ambiente, José Sarney Filho, dadas em coletiva de imprensa nesta segunda-feira à tarde (26/02) sobre a refinaria de alumina Hydro Alunorte, no estado do Pará.

Em suas declarações, o ministro pediu que fosse avaliada a possibilidade de embargo das atividades da Hydro Alunorte, como uma medida contra a empresa. Nesse momento, a Hydro está analisando as declarações e seu possível processo e impacto, e voltará a fornecer mais informações o mais brevemente possível.

Em decorrência das fortes chuvas ocorridas nos dias 16 e 17 de fevereiro, que levaram a alagamentos na cidade de Barcarena, há especulações de que um vazamento da Hydro Alunorte teria causado a contaminação das águas. Não foram constatadas, contudo, provas de vazamento dos depósitos de resíduos sólidos de bauxita.

A Hydro está cooperando com as autoridades competentes de forma aberta e transparente, a fim de facilitar o trabalho com as comunidades locais e as vistorias.

A Hydro criou uma força-tarefa especializada para dirigir uma avaliação abrangente da situação na Hydro Alunorte e estabelecer o efeito das chuvas na integridade operacional dos depósitos de resíduos sólidos de bauxita, inclusive sua habilidade de tratar e eliminar excesso de água, além de analisar e avaliar dados e informações internos e externos relacionados com possíveis impactos ambientais nas comunidades locais.

Os resultados serão apresentados juntamente com proposta de melhorias que visam prestar suporte às operações em curto e longo prazo.