Skip to content

Hydro assina carta pelo desenvolvimento sustentável no Brasil

Documento entregue aos três Poderes da República alerta para a necessidade de ações efetivas contra o desmatamento na Amazônia e outras questões relacionadas ao meio ambiente e é assinado por dezenas de empresas, de diferentes setores da economia do país.

Hydro logo

A Hydro assinou, em 13/07, a Declaração do Setor Empresarial Brasileiro que expressa a preocupação com a percepção internacional negativa do Brasil em relação ao Meio Ambiente e a Amazônia. Com essa assinatura a Hydro se juntou a cerca de 40 empresas e grupos empresariais dos setores industrial, agrícola e de serviços, além de organizações representativas de vários segmentos, lideradas pelo CEBDS - Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável.

O grupo de empresas defende uma luta abrangente contra o desmatamento ilegal e uma agenda de desenvolvimento sustentável para o Brasil. O documento foi endereçado ao Executivo, Legislativo e Judiciário, às instituições como Conselho Nacional da Amazônia Legal – tendo à frente, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão -, Supremo Tribunal Federal, Senado Federal, Câmara dos Deputados e Procuradoria Geral da República (PGR).

Clique aqui e leia o documento na íntegra

A Hydro trabalha para criar uma sociedade mais viável, ao desenvolver recursos naturais em produtos e soluções de forma inovadora e eficiente. Produzimos alumínio, um metal 100% renovável e essencial para a economia circular de baixo carbono.

Na Amazônia, operando no estado do Pará, desenvolvemos uma série de iniciativas em prol do desenvolvimento sustentável, que vão desde a participação no Consórcio de Pesquisa em Biodiversidade Brasil-Noruega (BRC), em Paragominas, iniciada em 2013; passando pela nova estação de tratamento de efluentes industriais da Alunorte, em Barcarena; pela tecnologia usada no tratamento do nosso resíduo e por uma série de outros projetos e parcerias, incluindo mais uma recém-fechada com a Universidade Federal do Pará, para pesquisa sobre a viabilidade de produção de cimento de baixo carbono a partir do resíduo de bauxita.

Essas iniciativas aliadas ao monitoramento, controle ambiental e gestão de impacto; e aos programas e projetos sociais e de engajamento junto às comunidades locais; e as ações de capacitação e empregabilidade da população local contribuem para uma operação responsável e cada vez mais sustentável presente na região amazônica.

Contatos

Elena Brito Pantoja

Elena Brito Pantoja

Communication and Public Affairs Senior Manager