Skip to content

Material doado pela Albras é usado na pavimentação das ruas de Barcarena

Prefeitura Municipal já pavimentou 30 quilômetros com este material

090621_Tijolos refratários_site hydro.jpg
Prefeitura Municipal já pavimentou 30 quilômetros com tijolos refratários

A Albras doou tijolos refratários usados à Prefeitura de Barcarena para aplicação na pavimentação das ruas do município. No ano passado, foram repassadas aproximadamente 500 toneladas desse resíduo à Secretaria Municipal de Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano, que contribuíram para bases e sub-bases de 30 quilômetros de vias. As comunidades beneficiadas pelos serviços de pavimentação foram Laranjal, Vila dos Cabanos, Pioneiro e estrada do Caripi.

“O material inerte da Albras está sendo bastante usado pela Prefeitura de Barcarena como bases dos serviços de tapa buracos e nas reconstituições das bases asfálticas. É um material de alta capacidade de suporte mecânico e o serviço que temos feito com ele, no período do inverno, tem dado resultados muito bons. Ou seja, está garantindo um excelente trabalho”, afirma Alexandre Batella, secretário municipal de Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano. 

O material inerte é um tipo de resíduo que, devido às suas características e composição físico-química, não sofre transformações físicas, químicas ou biológicas de relevo, mantendo-se inalterados por um longo período de tempo. Além disso, mantém a sua resistência a altas temperaturas. 

Na empresa, esse material é identificado e armazenado em um espaço ambientalmente adequado para posterior doação e reuso. Antes da destinação à pavimentação, foi elaborado um estudo pela Universidade Federal do Pará (UFPA), que confirma a natureza inerte do resíduo doado à Prefeitura de Barcarena. A Albras segue ainda todas as recomendações da Resolução do Conama nº 13 sobre inventário de resíduos.

“Ao longo dos seus 35 anos, a Albras tem contribuindo para o desenvolvimento do município de Barcarena. A questão da infraestrutura urbana de uma cidade é importante para a melhoria da qualidade de vida da população”, afirma João Batista Menezes, presidente da Albras.

“Por isso, analisamos o que temos no processo de produção do metal primário em nossa fábrica que possa ser reaproveitado em obras e serviços realizados pela Prefeitura. Com isso, reforçamos a nossa parceria para um futuro mais sustentável da região”, completa o executivo da Albras.

In Press Porter Novelli

External Press Officer

Recommended for you